Como conquistar o selo do programa de sustentabilidade do Sindirepa

Criado pela diretoria executiva do Sindirepa-SP, este projeto promove o fomento à competitividade sustentável, que é disponibilizado às suas empresas associadas. Através do “SSS” o Sindicato reconhece entre estas empresas aquelas que praticam a gestão sustentável

Por: Redação
Um dos itens de uma oficina ecológicamente sustentável

Um dos itens de uma oficina ecológicamente sustentável

Em parceria com o Sebrae-SP, o Sindirepa-SP lançou, no 1º Congresso Nacional da Reparação de Veículos, o Selo Sindirepa de Sustentabilidade (SSS), que será implantado de forma gradativa em oficinas independentes associadas à entidade e que estão localizadas na capital paulista, seguindo para Grande São Paulo, estado de São Paulo e todo o Brasil, por meio do Sindirepa Nacional.

O projeto tem como objetivo oferecer recursos para que as reparadoras automotivas sejam mais produtivas, competitivas, além de adotar práticas ambientais corretas. Para isso, um consultor credenciado pelo Programa Sebraetec de Consultoria Tecnológica visitará os centros automotivos associados para analisá-los, de acordo com critérios pré-estabelecidos para o setor de reparação de veículos. Após essa visita, o empresário recebe uma avaliação e o roteiro detalhado para tornar sustentável a gestão da sua oficina.

Em até três anos, as empresas participantes poderão atingir o grau máximo de gestão sustentável. Entretanto, a oficina poderá obter o Selo Sindirepa de Sustentabilidade já nos primeiros meses se, após verificação da entidade, houver comprovação de que os critérios de sustentabilidade relativos ao primeiro ano de planejamento foram cumpridos.

A obtenção do SSS pela empresa está condicionada à sua adequação às conformidades relativas aos critérios expressos pela Análise & Planejamento para Sustentabilidade (A&PS) elaborada pelo Sebrae, que contempla 60 critérios distribuídos por três temas respectivamente, sendo 17 sobre legalidade, 21 eficiência e 22 excelência.

De acordo com a quantidade mínima de conformidades alcançadas em cada tema, a empresa pode ser enquadrada em uma das três fases do SSS, conforme demonstrado na tabela a seguir:

TEMAS

FASES

I

II

III

Legalidade

12

14

17

Eficiência

11

17

19

Excelência

11

18

20

Para poder solicitar o “SSS”, a oficina deve ser associada à entidade. Caso não seja, deve efetuar o processo para associação e só depois deve solicitar a inscrição no programa Selo Sindirepa de Sustentabilidade. O Sindirepa-SP encaminhará ao escritório do Sebrae-SP os dados de contato da empresa.

Para mais informações e saber como participar, os empresários devem entrar em contato com o Sindirepa-SP no telefone (11) 5594-1010.