A peça correta influencia no resultado da manutenção

Ter acesso a peças de qualidade o mais rápido possível é um desafio crucial para o bom resultado de uma oficina nos dias de hoje

Por: Redação

Os filtros Volkswagen são produzidos com matérias-primas que garantem a qualidade do equipamento

De acordo com uma pesquisa realizada no final do ano passado pela Central de Inteligência Automotiva (CINAU), percebemos que para os profissionais da reparação a “disponibilidade” do item e assim a rapidez com que ele chega na oficina, é determinante para que um serviço seja realizado a tempo de satisfazer a expectativa do cliente e gerar resultados positivos para a oficina.

Em segundo lugar, a mesma pesquisa indica a preocupação do reparador com a qualidade, pois uma peça de boa procedência tem menor risco de apresentar defeito ou quebra e consequentemente minimiza o temido “retrabalho”, que além da frustração no cliente gera serviços que já foram concluídos e pagos.

Em relação à qualidade é importante observamos o impacto deste quesito em função da origem da peça, que pode ser a seguinte:

Peças Originais Volkswagen:

Geralmente adquiridas em concessionárias autorizadas, são componentes com a marca da montadora, tanto na peça quanto na embalagem. Isso é um atestado à qualidade, especificação e compatibilidade do item. É um produto idêntico ao que foi instalado no veículo em seu processo de fabricação.

Peças de Reposição:

São itens destinados à substituição de componentes originais, tanto para manutenção quanto para reparação, caracterizados por terem sido desenvolvidas com o mesmo processo de fabricação, do mesmo fornecedor da montadora, mas com características diferentes.

Peças “Paralelas ou Genéricas”:

São itens semelhantes, porém produzidos por empresas que atuam apenas no segmento de reposição. Alguns compradores decidem utilizar estas peças para substituir componentes originais, diferenciadas por sua adequação e intercambialidade, que podem apresentar ou não as mesmas especificações técnicas e características de qualidade, como por exemplo, material, resistência, tratamento de beneficiamento, desempenho e durabilidade quando comparadas com peças genuínas.

Percepção de Mercado

Ainda com o amparo de pesquisa junto às oficinas, é possível observar um significativo crescimento da valorização da peça Original conforme outro trabalho da CINAU, que ouviu a opinião de 1.100 reparadores independentes entre os meses de setembro e outubro de 2012.

O item “Heart Sharing” é uma tabela que sintetiza as marcas mais lembradas quando os mecânicos responderam à questão: “Qual a primeira marca de autopeças você pensa no momento de adquirir peças de reposição?”. Os índices mostram que desde 2010 a participação de “peças Originais” está aumentando expressiva e gradativamente.

Ao analisar este estudo, percebe-se que os mecânicos têm valorizado as peças Originais, citando como diferenciais, principalmente a garantia, confiabilidade, compatibilidade, aplicação e procedência.

Pesa a favor da peça Original, neste processo de decisão, o atendimento dos distribuidores das montadoras e a própria percepção do dono do carro, que ao ver a caixa do produto Original sente-se mais seguro.

Tecnologia

Para ilustrar a questão técnica envolvendo as peças Originais, conversamos com o engenheiro de filtros da Sogefi Filtration, Vladmir Ramos, que elencou os principais pontos que favorecem a escolha da peça Original, no caso de filtros.

“Baseadas em estudos de importantes centros de pesquisas, as montadoras argumentam que as peças que não são Originais têm menor eficiência, menor desempenho, menos qualidade e duram menos, o que evidentemente não compensa a diferença de valores entre as peças (de reposição e paralelas)”, explica o engenheiro Vladmir Ramos.

Até mesmo as embalagens das peças Originais Volkswagen são diferenciados

Até mesmo as embalagens das peças Originais Volkswagen são diferenciados

Diferente deste cenário, as peças Originais Volkswagen são certificadas pela montadora e passam por um rigoroso controle de qualidade, monitorando desde a entrada da matéria-prima utilizada até a estrutura funcional com os outros itens que integram o equipamento. Portanto, a utilização de peças Volkswagen garante a melhor funcionalidade do veículo por mais tempo.

A escolha por peças Originais Volkswagen diminui substancialmente os riscos de problemas e panes, garantindo a tranquilidade do reparador independente.

No ato da aquisição a procedência da peça fica clara, despertando total confiança no desempenho e 100% de compatibilidade do item.

Este último aspecto é primordial para o bom andamento de uma oficina, pois evita o retrabalho. As peças Originais Volkswagen são dividas de acordo com o modelo, série, especificações e número de chassi. Diferentemente das peças de reposição e “paralelas”, que possuem características próprias aplicadas de modo geral.

No caso de um veículo consertado apresentar mau funcionamento ou problemas devido a utilização de peças de reposição ou genéricas, a oficina terá de refazer um trabalho já concluído, o que significa interromper um serviço em andamento, ou ainda deixar de adquirir novos trabalhos. Prejuízo na certa.

Utilizar peças Originais Volkswagen também traz prestígio ao reparador perante o cliente, porque é uma forma de valorizar o veículo. Enquanto as peças Volkswagen mantém a garantia, a instalação de peças genuínas ou paralelas cancela a garantia do veículo, mesmo que ainda esteja dentro do período determinado. As Peças Originais Volkswagen atendem as especificações de cada modelo e são facilmente encontradas na rede de concessionárias autorizadas Volkswagen.