O maior Passat de todos os tempos no Salão de Detroit

Nova versão é maior e mais confortável

Por: Redação

Novo Passat é maior e mais confortável

O Salão de Detroit, um dos maiores eventos do ramo automotivo mundial, aconteceu em janeiro na cidade americana. A Volkswagen inovou e apresentou o maior Passat de todos os tempos. Completamente novo, maior, mais confortável e com mais qualidade do que nunca, o novo sedan será fabricado nos Estados Unidos e seu lançamento está previsto para agosto.

A versão básica do modelo conta com motor a gasolina, dotado de nada mais nada menos que cinco cilindros e 170 cv. Além disso, são oferecidos motores Clean Diesel, extremamente econômicos, dotados com 140 cv, e um seis cilindros a gasolina com 280 cv.

Embora maior, uma boa notícia é a redução de seu nível de preços, comparado à versão anterior. Na futura versão de entrada ficará na casa dos US$ 20 mil (os preços definitivos serão anunciados em março). Vale lembrar que este modelo do Passat não será o mesmo que terá lançamento no Brasil nos próximos meses.

Detalhes:

Motores: O motor de cinco cilindros com 170 cv (a 5.700 rpm) está sendo usado no Passat pela primeira vez. Possui transmissão manual, o que acelera o sedan em até 100 km/h em apenas 8,2 segundos. É caracterizado pelo alto torque (máximo de 240 Nm a 4.250 rpm) e economia (13,55 km/l). Alternativamente, o 2.5 MPI pode ser conjugado a um câmbio automático de seis velocidades. Nesse caso, o carro alcança 13,12 km/l e atinge 100 km/h em 8,7 segundos.

Seis cilindros 3,6 litros com 280 cv: o motor tem 280 cv (a 6.200 rpm) e torque máximo de 350 Nm (entre 2.500 e 5.000 rpm). O VR6 3.6 litros, acelera até 100 km//h em apenas 6,5 segundos. A troca das seis marchas é pelo câmbio DSG de série.

Turbodiesel 2 litros com 140 cv: O controle de emissões é feito por meio de um conversor catalítico de oxidação, filtro de particular e conversor SCR, que transforma óxidos de nitrogênio em nitrogênio e água, utilizando o aditivo AdBlue. O Passat TDI arranca de 0 a 100 km/h em 9,3 segundos. O TDI pode ser adquirido, opcionalmente, com o câmbio DSG, de seis marchas.

Nessa configuração, o carro também atinge 18,1 km/l no ciclo extraurbano e, com o câmbio DSG, a aceleração de 0 a 60 km/h melhora para 9,1 segundos.

Segurança: o novo modelo conta com sistema de monitoramento da pressão dos pneus, programa eletrônico de estabilidade (ESP), ABS com assistência de frenagem, assistência de partida em subidas (Hill Climb Assist) nos modelos com câmbio manual e DSG, seis airbags e uma estrutura de carroceria extremamente segura se combinam para criar um eficiente sistema de proteção para os ocupantes do carro.

Ronco agradável: como o Passat TDI, o silencioso sedã é capaz de rodar mais de 18,2 km/l – o melhor desempenho em economia de sua categoria.

Três versões: O modelo terá três diferentes: S (1 e 2), SE (1 e 2) e SEL (1 e 2).

Conforto: O novo Passat americano tem parabrisa com película acústica, bancos em couro genuíno ou sintético, volante multifuncional, ajuste elétrico de assentos, rádio via satélite com tela sensível ao toque, sistema de som fender, sistema de rádio-navegação, faróis de neblina com iluminação estática nas curvas, decoração em madeira, sistema de climatização, nova iluminação ambiente e sistema Kessy.

Rodas: Nas linhas de equipamento S (2), SE (1 e 2) e SEL (1 e 2) as rodas de liga com 16, 17 e 18 polegadas.

Medidas: O novo Volkswagen Passat tem 4.868 mm de comprimento, distância de 2.803 entre os eixos e largura total de 1.835 mm.